Satélite Geoestacionário realiza primeira comunicação criptografada

C&T Gestão - Gestão


O Ministério da Defesa realizou, nesta quarta-feira (5), sua primeira transmissão criptografada utilizando a banda X do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGDC). A iniciativa ocorreu por meio de uma videoconferência, que foi transmitida via satélite entre o ministro da Defesa, Raul Jungmann, que estava em Vilhena (RO), e o chefe do Estado-Maior do Comando de Operações Aeroespaciais, brigadeiro Ricardo César Mangrich, que falava de Brasília (DF).

A comunicação foi realizada com sucesso nas instalações montadas pela Força Aérea Brasileira (FAB) no âmbito da Operação Ostium, criada para reforçar a vigilância no espaço aéreo sobre a região de fronteira do Brasil, coibindo voos irregulares que possam estar ligados a crimes como o narcotráfico.

Nesse contexto, o ministro da Defesa destacou que não há nada mais relevante do que o país contar com um mecanismo que assegure formas de comunicação 100% seguras, já que este é o primeiro satélite totalmente controlado pelo Brasil.

“Hoje, pela primeira vez, fizemos uma comunicação via nosso satélite, o satélite brasileiro que está a 36 mil quilômetros daqui”, comemorou o ministro. “Esse satélite é fundamental porque é o primeiro que, na história, é totalmente operado por brasileiros, e que conta com criptografia totalmente verde e amarela”, destacou Raul Jungmann, lembrando que o SGDC tem ainda uma banda KA, que levará internet para as regiões mais afastadas do país.

Lançado em maio deste ano, o SGDC, que terá uma vida útil de 18 anos, é uma parceria entre os ministérios da Defesa e da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), e envolveu investimentos da ordem de R$ 2,7 bilhões. O satélite terá a função civil de levar a banda larga a todo território brasileiro, permitindo maior inclusão social e, na área militar, de assegurar soberania e aumentar a capacidade operacional.

(Agência ABIPTI, com informações do Ministério da Defesa)



incobra-brokerage-event-disponibiliza-plataforma-para-identificacao-de-parceiros-e-agendamento-de-networkings Já está disponível uma plataforma virtual para que os participantes do INCOBRA Brokerage Event registrem-se e criem o seu perfil de...
metodologia-do-curso-para-elaboracao-e-gestao-de-projetos-da-abipti-e-enaltecida-por-alunos “O diferencial deste curso é que ele é completo, apresenta todo o Sistema Nacional de Ciência e Tecnologia para o aluno”, explica...
embrapii-desenvolvera-projetos-de-inovacao-com-empresas-brasileiras-e-britanicasCinco unidades e um polo da Empresa Brasileira de Pesquisa e Inovação Industrial (Embrapii) irão desenvolver sete projetos de inovação...
fapesp-e-cdti-anunciam-financiamento-para-pesquisa-inovativa  A Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (Fapesp) e o Centro para el Desarrollo Tecnológico Industrial (CDTI)...
capes-financia-projetos-conjuntos-com-a-holanda-em-todas-as-areas-do-conhecimento  A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) lançou o edital nº 27/2017, referente ao Programa...